sábado, 9 de maio de 2009

Tupanatinga em busca de Cultura e Cidadania.











Em encontro, na Secretaria de Cultura do Estado, a convite do Ministério da Cultura (Minc), o prefeito Manoel Tomé marcou presença através do seus representantes: o Secretario de Administração Evandro Pereira, Antonio Carlos e Tarso que respondem pela execução de projetos técnicos da Prefeitura, e Jose Edimilson de Oliveira, presidente da Associação de Cultura.

O encontro teve por objetivo viabilizar, com urgência, a implantação de ações do programa mais cultura em todas as cidades que ainda não foram beneficiadas, principalmente aquelas em que os índices de desenvolvimento humano e educacional estejam abaixo da média brasileira.

Entre as varias ações que o programa oferece o governo intensificará três delas: “Cine + Cultura, Espaço Cultural e Biblioteca pública" (implantação ou Modernização).
Participaram do encontro a equipe do Ministério da Cultura: Alfredo Menevy (Secretário de política cultural), Silvana Meireles (Secretária de articulação Institucional), Mônica Monteiro (Gerente de articulação institucional), o líder do Governo na Câmara Mauricio Rands, os representantes da FUNDARPE, FUNARTE, e os demais convidados: prefeitos, secretários e Diretores de Culturas, representantes e agentes culturais.

A abertura do encontro deu-se com a palestra do secretario de políticas culturais e doutor em cinema e vídeo, Alfredo Menevy.
Alfredo Menevy explicitou a importância do programa mais cultura, sobretudo sobre a Cultura.

“O Brasil que até pouco tempo não dispunha de esperança de nutrir nossas crianças de esperança, nem de garantir moradia e trabalho para o povo (que vivia banido violentamente do seu direito de viver) tem hoje uma política que além da inclusão social, busca também a inclusão cultural, necessária para o fortalecimento da auto-estima e resgate da identidade do individuo dentro da sociedade", disse o secretário.



Hoje, o Brasil tem outra fome. Fome de quê?

> Apenas 13% dos brasileiros vão ao cinema alguma vez por ano;

> 92% dos brasileiros nunca foram a um museu;
> 93,4% dos brasileiros nunca assistiram a um
espetáculo de dança;

> Mais de 90% dos municípios não possuem sala de cinema, teatro, museu e outros espaços culturais;

> A media brasileira de despesa mensal com cultura por família é de 4,4%.
Do total de rendimentos, acima da educação (3,5%), não variando em razão
da classe social, ocupando a 6ª posição dos gastos mensais da família brasileira.


Para o Secretário, diante dos números acima, o Brasil tem fome de viver (Educação, Cultura Esporte e Lazer).
Esses dados preocupam o governo que, caso não se corrijam, prejudicarão drasticamente a construção de uma Cidadania fortalecida e bem alicerçada que é o foco do Governo Federal para que tenhamos uma nação futura próspera e estável.

Com a aplicação das ações do Programa mais cultura o Governo Federal reconhece a cultura como uma ferramenta principal para alavancar o desenvolvimento do país, incluindo-a na Agenda Social - política estratégica de Estado para reduzir a pobreza e a desigualdade social.

Tupanatinga, devido as suas peculiaridades, não poderia deixar de se fazer presente neste encontro.
A aquisição de uma biblioteca e uma sala de cinema poderá ser o começo de um novo tempo de civilização para nossa Cidade.
“Nem só de Pão vive o homem, mas de conhecimento e sabedoria” (“ O povo não que só comida, o povo que cultura, diversão e arte”. Titãs).

O Prefeito Manoel Tomé, consciente das novas necessidades (Cultura, Educação e Lazer) existentes em nossa comunidade, não está medindo esforço para que o programa do Ministério da Cultura chegue em Nossa Cidade.

“Parabéns Prefeito! Novos tempos, novas maneiras de pensar e fazer política.”

Através da Secretaria da Cidade do Estado o Prefeito conseguiu o projeto da Academia das Cidades e o asfalto da principal avenida e Praça da Cidade.

“Cidade bonita, espaço cultural e Cinema!“

Os desprezos das nossas autoridades para com a cultura só contribuíram para o isolamento das comunidades, distanciando-as da civilização, e sobretudo do desenvolvimento humano e educacional, perpetuando todas as formas de empobrecimento do nosso povo.

A religião diviniza o homem e a filosofia o humaniza, mas somente a cultura o civiliza.

2 comentários:

Anônimo disse...

PArabens pelo os projetos que esta conseguindo pra nossa cidade,espero que não fique apenas em papel e sim se torne realidade,pois nossa cidade tem cultura e o povo que habitar tambem.Estou muito orgulho pelo reconhecimento do nosso do Prefeito Manoel Tomé com o nosso filho da Terra que tanto lutou e ainda lutar pra que a cultura de Tupanatinga seja reconhecida.Edimilson PARABENS pelo seu esforço.

Andrea disse...

A populaçao de Tupanatinga agradece ao prefeito por mostrar-se preocupado em reconstruir nosso municipio,visando pricipalmente a educaçao,e com certeza veremos muito mais,isso é apenas o inicio de uma gestao de 4 anos.Juntamente com sua equipe de secretariado ficará na historia de Tupanatinga a gestao de Manoel Tomé.Parabens!!